segunda-feira, 30 de novembro de 2009

FAZENDO HISTÓRIA! - Des. José Jurandir de Lima desmascara truculência da OAB de Faiad, nega liminar e proclama a legalidade da greve dos servidores do Judiciário


30/11/2009 - 12:46:00

Depois do des. Orlando Perri, do des. Paulo Lessa e do des. Manoel Ornellas, os servidores do Judiciário de Mato Grosso em greve contam com um novo paladino, dentro do Pleno do Tribunal de Justiça. Trata-se o desembargador José Jurandir de Lima (foto) que acaba de negar, neste dia 30 de novembro, liminar â ação cautelar através da qual o presidente da OAB de Mato Grosso, Francisco Faiad, tentava declarar ILEGAL a atual greve dos servidores. Em sua decisão, José Jurandir de Lima, dando uma lição de democracia a Faiad, garante que os servidores lutam por direitos trabalhistas já assegurados através de sentença judicial e que já deveria lhes ter sido pagos pelo Tribunal de Justiça. Castilho também lembra ao pretenso defensor das liberdades democráticas que os servidores, ao fazerem greve, nada mais fazem que exercitar um direito que lhes é assegurado pela Constituição Federal. E a gente que imaginava que a OAB, enquanto instituição, existia para preservar e para não bombardear as garantias constitucionais dos cidadãos brasileiros! Só falta, agora, Francisco Faiad dar a mão ao desembargador José Ferreira Leite e demais magistrados da chamada "linha dura" e sair por aí defendendo repressão policial contra o movimento pacífico e legítimo dos servidores super-explorados de nossa Justiça!
Mais informações em instantes
*****************************
veja aqui parecer divulgado na página da OAB Nacional que defende o direito de greve para os servidores públicos
http://www.oab.org.br/oabeditora/users/revista/1211291019174218181901.pdf

 Site de pesquisa:
http://paginadoenock.com.br/home/post/4662