terça-feira, 18 de outubro de 2011

A conscienciologia de Waldo Vieira - amigo de Chico Xavier


Waldo Vieira se dedica hoje à conscienciologia
Waldo Vieira se dedica hoje à conscienciologia
Foto: Internet

ENTREVISTA


A conscienciologia de Waldo Vieira

Publicado em 03.04.2010, às 08h17

Do Jornal do Commercio






























MABEL TELES  é professora universitária e atua no Paraná, trabalhando com Waldo Vieira, que colaborou com Chico Xavier e depois abandonou o espiritismo para se dedicar a uma nova proposta, a conscienciologia. Confira o que ela diz nessa entrevista por e-mail.
JC - Por que Waldo Vieira deixou o espiritismo? Que obra(s) escreveu (ou psicografou) em conjunto com Chico?
MABEL - Waldo Vieira deixou o Movimento Espírita em 1966, após 28 anos de dedicação, ao não encontrar na doutrina ambiente favorável ao desenvolvimento da pesquisa da consciência, em bases universalistas. Um dos propósitos de vida de Waldo Vieira é a tarefa do esclarecimento (tares), ou seja, o estudo e a explicitação clara, racional e lógica dos fatos e parafatos (ocorrências extrafísicas). Já as religiões, e inclusive o Espiritismo, 

priorizam a tarefa da consolação (tacon), própria do assistencialismo. Na tacon o esclarecimento é mínimo, ou mesmo inexistente. Ou seja, há uma incompatibilidade evidente de objetivos entre as metas existenciais de Vieira e os propósitos das religiões em geral. Esse é o motivo da dissidência de Vieira do Movimento Espírita. Waldo Vieira e Chico Xavier publicaram as seguintes obras em conjunto: Antologia dos Imortais, A Vida Escreve, Almas em Desfile, Desobsessão, Desobsesión - Argentina, Entre Irmãos de Outras Terras, Estude e Viva, Evolução em Dois Mundos , Ideal Espírita , Ideal Espirite - França, Leis de Amor , Leggi D'Amore -Itália,  Mecanismos da Mediunidade, O Espírito da Verdade, O Espírito de Cornélio Pires, Opinião Espírita ,Opinión Espirita - Venezuela,Sexo e Destino, The World of the Spirit - New York,Trovadores do Além, Juca ambisca,Timbolão.


JC -  O que é conscienciologia?

MABEL - A Conscienciologia é o termo proposto pelo médico e pesquisador independente Waldo Vieira (1932-) para definir a nova ciência dedicada ao estudo e pesquisa da consciência, também denominada ego, alma, espírito, self, personalidade ou sujeito.A Conscienciologia difere das ciências convencionais e outras linhas de conhecimento ao fundamentar suas pesquisas no paradigma consciencial, método científico no qual o indivíduo estuda a si mesmo e as demais consciências, considerando o fato de todo ser humano possuir corpos ou veículos para se manifestar, além do corpo físico, as experiências relativas a vidas pretéritas e também ao intervalo entre as diversas existências humanas. O objetivo prioritário da Conscienciologia é a autoevolução consciente, em bases assistenciais e universalistas. 

Uma das premissas básicas da Conscienciologia é a pesquisa participativa, ou seja, requer que o pesquisador atue simultaneamente enquanto investigador e objeto de estudo, usando suas vivências diárias, dentro e fora do corpo, como experiências laboratoriais. Um importante mecanismo de investigação da Conscienciologia fundamenta-se na capacidade que todo indivíduo tem de sair do corpo com lucidez, independente do sexo, idade, religião, classe social e nível cultural. Na projeção consciente, a pessoa sai da dimensão física e visita outras, utilizando corpos ou veículos mais sutis; memoriza as experiências ali vividas e, posteriormente, já de volta ao corpo humano, rememora e pode tirar proveito dos conhecimentos hauridos. A projeção consciente ou experiência lúcida fora do corpo é, então, uma das principais ferramentas de trabalho do pesquisador conscienciólogo, permitindo-lhe o acesso consciente a outras dimensões para esclarecer-se acerca de questões centrais da vida humana, e também elucidar-se sobre quem somos, de onde realmente viemos e para onde iremos.

Embora o fenômeno seja conhecido há milênios, a Projeciologia é uma área de estudo relativamente nova, proposta oficialmente enquanto ciência a partir de 1981, com a publicação do livro Projeções da Consciência - Diário de Experiências Fora do Corpo Físico, de autoria de Waldo Vieira. Em 1986, Vieira publica o tratado Projeciologia - Panorama das Experiências da Consciência Fora do Corpo Humano, edição gratuita do Autor, com 1.907 referências bibliográficas. A 4ª edição, revista e atualizada, publicada em 1999, com 1.232 páginas, é considerada referência internacional no estudo da projeção consciente.

JC -  É possível através delas  explicar "a comunicação com os espíritos"? Existe mesmo essa comunicação ou a psicografia, as falas e vidência são na verdade projeção da nossa própria consciência ou da consciência coletiva ou alheia?

MABEL - Sim. E a maioria dos fenômenos parapsíquicos ou paranormais, como a clarividência, a retrocognição (lembrança de vidas passadas), e mesmo a projeção consciente fundamenta-se na capacidade que todo indivíduo possui de "descoincidir" ou "desencaixar" seus corpos ou veículos de manifestação. A descoincidência dos veículos, ainda que mínima, facilita o acesso as dimensões extrafísicas, e consequentemente, a comunicação com as consciências extrafísicas, também conhecidas como espíritos. Importa ressaltar que esta condição é fisiológica, ou se preferir, parafisiológica, e, portanto, inerente a toda pessoa. No entanto, cabe lembrar que apesar dos fenômenos parapsíquicos existirem, nem todo parapsíquico ou médium é autêntico.

JC - Elas negam o espiritismo?
MABEL - A Conscienciologia e a Projeciologia corroboram a veracidade dos fenômenos parapsíquicos em geral, e também a serialidade das vidas humanas ou reencarnação. No entanto, estudam tal realidade a partir do princípio da descrença, sem apelar para o dogmatismo das doutrinas em geral, aos misticismos, as gurulatrias ou a fé. Ressaltam-se na Conscienciologia e na Projeciologia o discernimento, o debate, a refutação e a pesquisa participativa. A partir dos autoexperimentos o pesquisador chega às próprias conclusões, sem inculcação, persuasão ou interferência de terceiros. Os fenômenos parapsíquicos, quando vivenciados e analisados com critério e lucidez, são por si só autopersuasivos. Ou seja, estas ciências promovem a autonomia dos indivíduos, e não a dependência entre pessoas.

Hoje a Conscienciologia já pesquisa dezenas de novos fenômenos, jamais relatados pelo Espiritismo, Teosofia, Orientalismo, Metapsíquica ou Parapsicologia. Entre eles destacam-se a inversão existencial ou invéxis, a tarefa energética pessoal ou tenepes, a oficina extrafísica ou ofiex, a condição da pré-mãe, a personalidade consecutiva, o autorrevezamento existencial, entre outros.

JC - Quantos adeptos da nova ciência existem no Brasil e no mundo? Há projeciologistas no Nordeste e em Pernambuco?

MABEL Atualmente há milhares de pesquisadores atuando em várias regiões do Brasil e também nos EUA, Europa, Ásia e Austrália. No nordeste do Brasil, o INTERCAMPI - Associação Internacional dos Campi de Pesquisas da Conscienciologia, atua nas cidades de Recife, Natal e Fortaleza, através de palestras gratuitas, cursos e venda de livros (www.intercampi.org). 


Uma das metas do Intercampi é a construção de um campus conscienciológico na cidade de Natal. Natal: Av. Antônio Basílio, 3006 - Edifício Lagoa Center, sala 705 - LagoaNova, Natal/RN, Brasil - CEP: 50056-901Telefone: + 55 84.3211.3126; 8726.2987 E-mail: intercampi@intercampi.org

Recife: Av. Engenheiro Domingos Ferreira, 2215 - Galeria Sta. Sicília,sala 305 - Boa Viagem, Recife/PE, Brasil - CEP: 51020-031 Telefone: + 55 81.3463.4979E-mail: contato.recife@intercampi.org

Fortaleza: Av. Barão de Studart, 2441 - Edifício Forma V, sala 502 -Dionísio Torres, Fortaleza/CE, Brasil - CEP: 60120-002 Telefone: + 55 85.3087.8076 E-mail: contato.fortaleza@intercampi.org


JC - Como Chico Xavier é visto?

MABEL - Chico Xavier foi uma pessoa dedicada integralmente a assistencialidade, notadamente à tarefa da consolação ou tacon. Neste aspecto, ou seja, especificamente na tacon, ele pode ser considerado um completista existencial, isto é, cumpriu seu mandato de vida na íntegra. E o completismo existencial é a maior conquista que um indivíduo pode alcançar na vida humana.