quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Pesquisa qualifica Paulínia como 2ª melhor cidade brasileira

paulinia-fotoaerea
O MUNICÍPIO FOI MELHOR AVALIADO NESTE ANO EM COMPARAÇÃO A 2008, COM ÍNDICE DE 0,9224.



















 Paulínia
, de acordo com o Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), da Federação das Indústrias do Estado Rio de Janeiro, divulgado na segunda-feira, 07 de novembro, é a segunda melhor cidadedo Brasil, que apresenta altos níveis de desenvolvimento econômico e social.
A pesquisa analisou dados de três setores: emprego e renda, educação e saúde.
Trabalhamos incessantemente para oferecer serviços de qualidade à população. Nossos investimentos na área social colocam o município entre os melhores lugares do país para se viver”, destacou o prefeito José Pavan Junior.
Na edição 2011, o IFDM avaliou os dados de 2009 e o índice obtido porPaulínia foi de 0,9290. Entre os três segmentos avaliados, a que obteve melhor pontuação foi a educação com 0,9675.
Acreditamos que é pelo currículo que o aluno tem condições de adquirir os conhecimentos necessários para que ele possa conhecer a sociedade. É também por meio desse currículo que ele terá habilidades para se apropriar dos conhecimentos adquiridos e criatividade para resolver seus problemas”, declarou a secretária de Educação, Maria Estela Sigrist Betini.
A cidade dispõe desde creches, ao ensino fundamental, de instituições de ensino médio profissionalizante, além do EJA (Escola para Jovens e Adultos).
O município foi melhor avaliado neste ano em comparação a 2008, com índice de 0,9224.
As demais notas de Paulínia foram: 0,8954 na geração de emprego e renda e 0,9240 na área da saúde.
No estudo, a cidade ficou atrás de Barueri (SP), dentre as mais de 5 mil avaliadas. O ranking das dez primeiras cidades revela que nove pertencem ao Estado de São Paulo.