sábado, 31 de dezembro de 2011

Quem sou eu!!!

Desde criança que tenho um espírito indomado, aventureiro, questionador, obstinado, criativo, persitente, apaixonado e porque não incoerente, pois sou capaz de mudar de idéia, com tanta facilidade, quando obtido novos conceitos, portanto a minha alma tem este lado de Einstein, em sua teoria da relatividade - nada se cria tudo se transforma

EU SOU UMA METAMORFOSE, me transformo com o conhecimento e experiências de vidas boas e ruins. Eu mudo de opinião, quando a minha NÃO é a mais coerente ou quando encontro outra saída mais justa e mais sábia.

Sei que a vida me deu base para isto, tive uma família totalmente ligada aos estudos e ao conhecimento.  Meus pais Paulo e Glória  deram aos seus filhos, muito mais que a vida, deram conhecimento.

Minha mãe Glória, estudava em Colégio de Freiras, Coração de Jesus, aqui em Cuiabá, na década de 50. Estudou francês, latim, as matérias normais, também era uma boa costureira e uma excelente cozinheira. Vinha de uma família que tinha conhecimento, meu bisavô era escritor, membro da academia de Letras Matogrossense e minha avô Lízia, seguia o mesmo caminho, com meu avô Nino.

Meu pai Paulo, meio incoerente nas suas visões, pois havia dentro de si, um choque de padrões sociais, machismo e o liberalismo.  Também tinha muito conhecimento, era agrimensor e também tinha muito conhecimento em urbanismo, falava o inglês, tanto que trabalhava na Fazenda dos Ingleses, em Fernandópolis, como agrimensor, fazia as curvas de níveis nas terras que estavam sendo preparada para plantação. Ajudou a fundar várias cidade com meu avô Belizário, entre elas, NOVA OLIMPIA e TANGARÁ DA SERRA, foi ele que elaborou as medições,  plantas e o ajudou nos trabalhos com os peões de obras. Meu avô Belizário era fascinado em metafísica e poderes da mente.


Sendo assim, esta base famíliar, me deu a oportunidade de estudar, tanto, que eles me insentivaram a ter muito estudo e ser independente.

Era nisso que quero chegar, EU SOU INDEPENDENTE,  gosto disso, isto me dá vida, me dá energia, me dá alegria, me traz felicidade.

Mas esta independencia, não me faz melhor ou pior do que outra mulher, apenas que é uma opção de vida.

Isto já estava na alma, apenas tive a oportunidade de conquistar tudo que tenho, já que meus pais morreram há muitos anos (meu pai há quase 27 anos e minha mãe há 16 anos), sendo assim sobrevivi, pelo meu trabalho, já que eles perderam quase tudo por causa da doença. Eu lutei para vencer, se tenho uma casa, um carro, um trabalho, sustento todos meus filhos em escolas particulares, viajam sempre, tem oportunidade de sair, quando querem ... é fruto do meu trabalho, mesmo que tive uma família rica, mas a minha vida, foi eu que construir ... EU ME ORGULHO DISSO.

Esta independência, me dá uma certeza, que se um dia escolher alguém para estar do meu lado, é porque este alguém, terá condições de PARTILHAR comigo, os seus conhecimentos, a sua sabedoria, a sua honestidade, a sua ética, a moral e o mais importante o seu AMOR. Esta pessoa será meu parceiro de vida, seremos iguais e vamos lutar juntos.

Não sou fria, sou capaz de amar, porém nada que seja OBRIGATÓRIO, fará parte da minha vida.


Eu deixo o amor acontecer. Ele aparece do nada. Ele transforma em tudo, mas para isto, tenho que ter a liberdade de conhecer e saber quem é ... sem isto não dá para saber.

Mas no momento, não quero saber de casamento, quero viver, mas se aparecer um grande amor, no meio do percurso que escolhi, será obra do destino, não meu interesse. Neste exato momento, minha opção é para criar meus filhos.

Tendo uma alma indomada, neste momento, me prender a alguém, não seria bom, pois me conheço o suficiente para saber,  que iria magoar qualquer pessoa, pois meu espírito esta doutrinado para ser livre.

Se um dia encontrar um grande amor ... certeza, que irão saber,  pois me dedico a ele.

Então, quem sabe, em 2012 ... que já estou abrindo espaço para BEIJOS CALIENTES, eu possa viver outro grande amor, pois meu coração esta livre e desocupado.