terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Pagamento das Licenças-prêmios e férias, após recadastramento


Depois do RECADASTRAMENTO NO SITE DO TJMT - INTRANET - DADOS PESSOAIS, recebi o pagamento das Licenças Prêmios, de 2005/2010, e acho que abono pecuniário.

Fiz o RECADASTRAMENTO de manhã, a tarde já estava na conta.

QUEM NÃO FEZ, DÁ TEMPO É SÓ FAZER.


Sobre o assunto, no SITE DO SINDICATO:

Vejam, abaixo, íntegra do pedido JÁ AUTORIZADO (prot.nr.0139859-34.2012.811.0000)
EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE MATO GROSSO, DESEMBARGADOR RUBENS DE OLIVEIRA SANTOS FILHO      

                  O SINJUSMAT – Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ/MF sob o n. 36.910.081/0001-04,  neste ato representado por seu Presidente, Rosenwal Rodrigues dos Santos, no uso de suas prerrogativas legais, institucionais e estatutárias,  VEM, respeitosamente, à presença de Vossa Excelência,   expor e REQUERER,  como segue:  

I-                   É nítido o empenho de Vossa Excelência, como Presidente do E. TJMT, para com as causas dos Servidores do Poder. Empenho este que se traduz em resultados financeiros positivos para nós Serventuários, tais como: a) Passivo da URV (pagamento administrativo e judicial); b) auxílio-alimentação (implementação); c) abono de férias (retorno dos pagamentos); d) 16,66% jornada de trabalho (manutenção); Vipae OJ e AIJ (majoração); Data-base (pagamento), entre outros. 

II-                Neste sentido, toda ação emanada dessa dinâmica e corajosa Administração tem-se revestido do princípio da equidade. Assim foi no passivo da URV, nos abonos pecuniários de férias, etc.

III-              Excelentíssimo Senhor Presidente, o Natal se aproxima neste ano de 2012 e nada mais justo do que, novamente, brindar os gloriosos Servidores do Poder Judiciário Estadual com mais uma ação voltada a atender os pedidos destes, que laboram em um mar de dificuldades, mas conseguem, com esforços gigantescos, erguer nossa Prestação Jurisdicinal, a qual comandada por brilhantes Magistrados. Neste contexto natalino, os Servidores possuem alguns direitos incontroversos tais como CONVERSÃO DE LICENÇA-PRÊMIO EM PECÚNIA e ABONO PECUNIÁRIO DE FÉRIAS.
  
                  Diante do exposto e contando com a justa Administração de Vossa Excelência, REQUEREMOS:

A)       PAGAMENTO, COM EQUIDADE,  DE CONVERSÕES EM PECÚNIA DE LICENÇAS PRÊMIOS REQUERIDAS POR SERVIDORES DO PODER;

B)       PAGAMENTO, COM EQUIDADE, DE ABONOS PECUNIÁRIOS DE FÉRIAS REQUERIDOS POR SERVIDORES DO PODER.

               
Nestes termos,
Espera Deferimento.

Cuiabá-MT, 21 de novembro de 2012.

ROSENWAL RODRIGUES DOS SANTOS
Presidente do Sinjusmat.