quarta-feira, 27 de agosto de 2014

PRINCÍPIOS E CRENÇAS DA BRUXARIA

Todos que me conhece pessoalmente, sabe da minha queda pela alquimia, magia elementar, quarta dimensão, física quântica, bioenergia, outras tantas ligadas neste tema.

O domínio de um mundo paralelo e um mundo que transcende a minha capacidade intelectual, é a minha base de estudo, portanto, a mente é o principal elemento desta analise.

Sendo assim, a magia ou bruxaria, é um tema que me fascina, já que está ligada ao oculto, o que me leva a quarta dimensão e ao uma realidade paralela.


Baseado, nas minhas experiências e conhecimentos de outras pessoas que também gostam do mesmo tema, gostaria de partilhar, informações sobre o tema, com o intuito de desmistificar a palavra BRUXARIA.

LEIAM... VERÃO QUE NÃO HÁ NADA DE ERRADO NESTE TEMA OU NESTE ASSUNTO, APENAS FALTA DE CONHECIMENTO.

Grata,

Cláudia Fanaia Dorst


foto e texto facebook Zaria

PRINCÍPIOS E CRENÇAS DA BRUXARIA

É muito complicado falar em um só texto sobre os princípios e as crenças da Bruxaria, pois esta não é unificada e um texto assim poderia passar uma visão eclética demais a respeito. Porém, tentaremos aqui colocar os principais pontos em comum às crenças das bruxas e dos bruxos.

É um ofício que utiliza a magia natural.

Existem diversas vertentes que se utilizam da magia, mas a Bruxaria caracteriza-se principalmente pelo uso da magia da natureza para atingir fins específicos.

A Bruxaria possui inúmeras vertentes Muitas. Tanto que não dá para ter todas em um só lugar. Ao longo de toda a história da humanidade, em todos os lugares, épocas e culturas, temos Bruxaria.
Cabe nesta definição o lembrete de que Wicca não é sinônimo de Bruxaria – apenas mais uma de suas ramificações.

Bruxas(os) também são feiticeiras(os)

Um(a) feiticeiro(a) é uma pessoa que faz feitiços, não importa de qual vertente. 


As bruxas e bruxos também são feiticeiros, por fazerem feitiços.


Bruxas(os) podem praticar sozinhas(os) ou em grupo De clãs a tribos e covens, a Bruxaria possui uma variedade imensa de práticas. Da mesma forma que existem os grupos,sempre existirão os praticantes solitários.


Bruxas e bruxos são pagãos em sua maioria, mas não necessariamente.


Ser pagão é ver a natureza como sagrada. Desta forma, quando dizemos que as bruxas e bruxos são pagãos, isso significa que a divindade deles está na natureza, é imanente. Celebramos as mudanças das estações porque sabemos a importância de tais ciclos, e os reverenciamos pela vida e pela morte.


O fato de as bruxas e bruxos serem pagãos significa que trabalhar com a magia da natureza é muito além de fazer feitiços, mas também uma verdadeira forma de religiosidade como qualquer outra. Nem todos os bruxos e bruxas, no entanto, são pagãos, no sentido de celebrarem a natureza como o divino. Há bruxos(as) que praticam magia natural mas são católicos, por exemplo.

Conhecimento da lei do retorno


“Tudo o que fazemos volta para a gente, não importa se é bom ou ruim”. Portanto, nada é “proibido” a quem estuda e pratica a Bruxaria, porém, toda pessoa tem consciência de que o que ela fizer voltará para ela. Cabe a cada um ter responsabilidades pelos seus atos. Isso na verdade é um dos princípios mágicos mais importantes e deve ser reconhecido por qualquer um que pretenda praticar
magia.


Bruxas e bruxos não são necessariamente politeístas


O próprio fato de ser pagão já denota isso, pois vemos o sagrado em todas as coisas. Portanto, é comum a crença em vários deuses, pois a natureza em si é tão diversificada. Deusas da lua, deuses do vento, do sol etc. Em cada cultura, os deuses têm suas lendas e características. Você pode se identificar mais com uma cultura do que com outra, ou pode acabar cultuando os deuses de uma forma geral, a partir de seus atributos. No entanto, wiccans, por exemplo,cultuam dois deuses (um casal divino), e outros bruxos e bruxas podem cultuar somente uma divindade.

A variação é tremenda.

Bruxas e bruxos utilizam métodos de adivinhação dos mais variados. Tarô, runas, meditação, scrying, cafeomancia, quiromancia entre inumeros outros metodos de advinhação …
Existem diversos, mas todos os bruxos e bruxas praticam pelo menos um deles.

A Bruxaria é uma escola de mistérios

Praticamente a primeira e última do Ocidente, e deve ser encarada como tal, sem neuras.

A necromancia faz parte da Bruxaria

Todos os praticantes de Bruxaria prestam culto aos mortos e antepassados, de um jeito ou de outro.

Toda forma de Bruxaria é iniciática

Na Wicca tradicional, o neófito deve ser iniciado por outro bruxo "Mago" ou Sacerdote, preferencialmente dentro de um coven, de modo que receba os mistérios daquela determinada tradição. Na Wicca moderna, o neófito pode ser iniciado assim ou solitariamente (no chamado ritual de “auto-iniciação” que es qdo a pessoa sente a presença da Deusa abençoando a mesma , ou escolhem datas importante para se auto-iniciarem ). Na Bruxaria, tanto um bruxo pode iniciar o outro, quanto ele pode ser iniciado em um grupo, por uma divindade ou sozinho, mas toda forma de Bruxaria reconhece a importância das iniciações para transformação pessoal.

Bruxos e bruxas trabalham com tradições

Qualquer conhecimento passado adiante é uma forma de tradição, não a importa a idade do mesmo. No entanto, nenhum bruxo ou bruxa ignora conhecimentos antigos com um ar prepotente, acreditando que o que descobriu espontaneamente, sem bagagem mágica, é mais apropriado. Geralmente as novas tradições surgem depois que o bruxo ou bruxa já conhecem bem o conhecimento antigo.

Sacrifícios de sangue não são mais usados , mas existem , em alguns ritos,porem raros de acontecer por um bruxo ou bruxa ,há não ser qdo o rito pedes isso e es essencial para a magia que se atua, mais qdo isso acontece es por um Mago , ou Sacerdote é certamente passaram por varias iniciações e o sangue utilizado es de seu proprio corpo, jamais utiliza-se sangue animal ou de outro iniciado , ja que a Wicca tem principios de guardiões da natureza e de animais , amando e respeitando tudo que seu universo se ocupa.

Os wiccans cultuam um deus cornudo da caça. Quando sacrifícios animais eram feitos, todo o animal era aproveitado e o ato era rápido e indolor, mais isso a muito tempo atraz ,não faz parte em nosso universo atual, hoje esse tipo de rito ficou como parte historica. Hoje em geral em todo ritual , iniciados e Sacerdotizas, Magos pedem para purificação de 1 semana sem ingerir carne com Antecedência para seus ritos.

Não existe conhecimento de sacrifícios humanos na Bruxaria.

Bruxas e bruxos nunca fazem proselitismo

O que é bem diferente de vir a público esclarecer algumas questões. No entanto,distribuir folhetinhos, parar pessoas na rua e tentar convertar quem não está nem um pouco interessado decididamente não tem nada a ver com os costumes das(os) bruxas(os).

Bruxas e bruxos são pessoas responsáveis pelos seus atos, Sacerdotizas iniciadas e Magos são responsaveis pelo que ensinam e atuam perante seus .

Praticar Bruxaria é saber o que precisa ser feito, saber como fazer e simplesmente fazer. Bruxos nao tentam , Bruxos Fazem.

Bruxos(as) são donos da sua própria vida.

E são donos do planeta por isso o respeito com o mesmo es a base da magia Wicca e de qualquer outra Magia, isso inclue respeito e aceitação entre raças e opções sexuais.

Cada um traz sua propria magia de vida ,isso que se busca na magia , e que se divide e que se concretiza.

Dentro da Bruxaria/Wicca entre tantas outras ,e o que se prega na maioria de es o Conhecimento, Amor , Respeito e o que ganha em retorno es o Equilibrio, Sabedoria e a Paz.